Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2014

Quem, Eu? - Uma avó. Um neto. Uma lição de Vida.

Imagem
Fernando Aguzzoli, que linda, emocionante e envolvente história de amor, amor, amor e muita gratidão. Muito obrigada por compartilhar todo seu amor e sua dor (natural e humana) ao lado de sua avó/filha. Uma relação de cumplicidade, respeito, companheirismo e amizade. A sua história é única, a sua vivência e experiência de vida é única. Assim como foi para sua mãe e pai. Mas como você mesmo escreveu "uma vida não é medida por coisas boas ou ruins que fazemos, mas por quantas pessoas atingimos e quantas multiplicam essas atitudes." Meus sinceros agradecimentos. E que milhares de pessoas se inspirem em você. Não apenas aquelas pessoas que possuem um familiar com Alzheimer. Mas a sua história é um exemplo de amor ao próximo. "Faça o bem,não importa quem seja!". Abraços, Farah Mendes
Onde encontrar: O livro já está na página da Cultura e da Saraiva. E nas livrarias a partir do dia 25/07. 
SIMPLESMENTE IMPERDÍVEL!

Autismo: 11 mandamentos para os pais

1. “Não manterás seu filho preso em casa”. Todos nós sabemos como é difícil sair com crianças autistas para restaurantes, viagens, shoppings, aniversários e outros eventos sociais. Muitas vezes, nossos filhos tendem a correr sem rumo, não sabem esperar e se sentem incomodados com a quantidade de estímulos que encontram no ambiente externo. Mas o único jeito de ensiná-los a se comportar nesses lugares – e a tolerar o excesso de estímulos – é estando com eles nesse momento. Não poupando-os e mantendo-os sempre na sua zona de conforto. Por outro lado, vivemos dizendo que o mundo precisa aprender a lidar com a diversidade. Mas como, se as pessoas que são “diferentes”, muitas vezes, mal saem de casa? Temos, também, esse papel social de acostumar a sociedade a conviver com a diferença dos nossos filhos. Se você vê seu filho como um “coitado” incapaz de conviver em sociedade, é assim que ele será visto pelos outros também. 2. “Não terás medo de trocar as terapeutas” Por mais que a gen…

Estímulo da fala não é agradável para crianças autistas

Imagem
Trabalho mostra que conexão fraca entre o córtex auditivo e regiões responsáveis pelo sistema de recompensa no cérebro faz com que crianças com autismo não se sintam motivadas a trocar informações As crianças com autismo apresentam dificuldades em estabelecer relações sociais (Thinkstock) CONHEÇA A PESQUISA

Título original: Underconnectivity between voice-selective cortex and reward circuitry in children with autism

Onde foi divulgada:periódico PNAS

Quem fez: Daniel A. Abrams, Charles J. Lynch, Katherine M. Cheng, Jennifer Phillips, Kaustubh Supekar, Srikanth Ryali, Lucina Q. Uddin, e Vinod Menon

Instituição: Universidade de Stanford, EUA

Dados de amostragem: 20 crianças com autismo e 19 crianças que não sofrem com o distúrbio

Resultado: Os pesquisadores descobriram que a fraca conexão entre o córtex auditivo e estruturas responsáveis pelo sistema dopaminérgico no cérebro das crianças autistas pode fazer com que elas não considerem o estímulo da fala c…

A fala de pessoas com autismo pode ser estimulada pelo sistema vestibular e ritmo musical

Imagem
Achei um artigo, da famosa autista Temple Grandin, onde ela fala sobre questões sensoriais que a afetam, e como atividades de balanço e ritmo podem contribuir para a aquisição de linguagem de crianças com autismo. Confira alguns trechos, para acessar o texto completo é só baixar o arquivo no final da postagem.  UMA VISÃO INTERIOR DO AUTISMO INTRODUÇÃO Eu tenho 44 anos de idade e sou uma mulher autista com uma carreira internacional bem sucedida. Meu trabalho é projetar equipamento para animais (especialmente gado) de fazendas. Completei meu Ph.D em ciências animais na Universidade Estadual do Colorado. Foi a intervenção precoce iniciada aos 2 anos e meio de idade que me ajudou a superar minha deficiência. Neste capítulo falarei sobre a frustração que senti por não ser capaz de falar e sobre meus problemas sensoriais. Meus sentidos são super sensíveis ao barulho e ao toque. O barulho, especialmente quando é bem alto, dói meus ouvidos, e eu evito ser tocada para não ter que s…