Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2014

Os tablets prejudicam ou melhoram o desenvolvimento da linguagem em crianças autistas?

Imagem
Os tablets prejudicam ou melhoram o desenvolvimento da linguagem em crianças autistas Muitos familiares se perguntam, legitimamente, se crianças usuárias de “um comunicador ” vai ter a aprendizagem prejudicada e isso vai inibi-las de falar. 
Bem, a resposta tem um SIM e um NÃO.
Sobre o SIM:
Se usado de forma inadequada, sem a orientação e supervisão de profissionais treinados, SIM pode prejudicar não só no discurso, mas muitos outros aspectos do espectro da criança, como a sociabilidade, reforços impróprios, etc. Os tablets podem ser uma sociabilizador perfeito, um facilitador da comunicação, apoio à aprendizagem e instrumento de intervenção, mas em sua maioria não pode ser um brinquedo ou um “saco” de pictogramas. Ao usar esse dispositivo exclusivamente como um meio de “entretenimento” para a criança, com jogos que funcionam como um recurso para acalmar diante das situações cotidianas que podem causar na ansiedade ou sofrimento, não demos a criança as ferramentas socia…

A doença cardíaca é associada à demência em mulheres pós-menopáusicas maiores

Imagem
A doença cardíaca pode predispor as mulheres pós-menopáusicas maiores a um maior risco de disfunção cerebral, como a demência, segundo a nova pesquisa publicada no Journal of the American Heart Association. «Nosso estudo proporciona mais evidência de que existe esta associação (entre a doença cardíaca e a demência), sobretudo nas mulheres pós-menopáusicas», explica o autor do estudo, Dr. Bernhard Haring, M.P.H., bolsista clínico do Centro Integral de Insuficiência Cardíaca e do Departamento de Medicina Interna I da Universidade de Wurzburgo, na Alemanha. «E muitos tipos diferentes de doença cardíaca ou doenças vasculares estão relacionados à disfunção do cérebro». Os pesquisadores levaram a cabo exames neurocognitivos em quase 6500 mulheres americanas de 65 a 79 anos de idade que tinham uma função cerebral saudável ao início do estudo e descobriram o seguinte: ·      As mulheres pós-menopáusicas com doença cardíaca ou doenças vasculares tinham 9% mais de probabilidades de apresentar uma …

Educação ativa: Brincar pela criança vs Estar presente com a criança que brinca

Imagem

Infância não é carreira e filho não é troféu

Imagem
Fonte:todacriancapodeaprender.org.br

Nesse mundo contemporâneo, ter, ser, saber, parecem fazer parte de uma competição. Nesse mundo, alguns pais e algumas mães acabam acreditando que é preciso que seus filhos saibam sempre mais que os filhos de outros. E isso sim seria então sinal de adequação e o mais importante: de sucesso. O que uma criança deve saber aos 4 anos de idade? Essa foi a pergunta feita por uma mãe, em um fórum de discussão sobre educação de filhos, preocupada em saber se seu filho sabia o suficiente para a sua idade. Segundo Alicia Bayer, no artigo publicado em um conhecido portal de notícias americano – The Huffngton Post -, o que não só a entristeceu mas também a irritou foram as respostas, pois ao invés de ajudarem a diminuir a angústia dessa mãe, outras mães indicavam o que seus filhos faziam, numa clara expressão de competição para ver quem tinha o filho que sabia mais coisas com 4 anos. Só algumas poucas indicavam que cada criança possuía um ritmo próp…

Técnica da antecipação para diminuir ansiedade de crianças autistas

Trata-se de uma forma de antecipar a novidade, para que quando ela ocorra de fato a criança já esteja familiarizada e preparada para lidar com ela.
Crianças com autismo possuem um modo particular de processar informações: diante de um fato novo, elas buscam em sua mente alguma imagem correspondente a ele. Se já tiverem se deparado em este fato anteriormente, ao menos uma imagem será encontrada, e elas ficarão tranquilas porque sabem que estão diante de algo pelo qual já passaram antes. Caso a situação seja nova, entretanto, não encontrarão nenhuma imagem em suas mentes, e por ficarão ansiosas e incomodadas. Uma forma de evitar que o desconforto surja é oferecer-lhes imagens daquilo que elas ainda não conhecem para seu repertório mental. O recurso da antecipação pode ser usado quando a criança passará por alguma mudança de ambiente, seja por motivo de viagem, visita a parentes e amigos, ou mesmo troca de residência ou de escola. Mostrar a ela uma fotografia do local, explica…

Distúrbio Específico de Linguagem - DEL

Imagem
Diagnóstico precoce do Distúrbio Específico de Linguagem é essencial para reabilitação das crianças Problema acomete entre 5% e 7% de cada mil bebês nascidos

Por se manifestar na idade escolar, gera o reconhecimento da dificuldade acadêmica Foto: Amanda Soila / Ministério de Relações Exteriores da Finlândia
O Distúrbio Específico de Linguagem (DEL) se caracteriza pela dificuldade em adquirir e desenvolver habilidades de linguagem, sendo mais frequente em crianças, e comumente relacionado, de forma indevida, à perda auditiva, deficiência mental ou distúrbio do desenvolvimento, síndrome ou alteração sensorial, déficit físico, distúrbio emocional severo, fatores ambientais prejudiciais ou ainda lesão cerebral.

Entre 5% e 7% da população infantil, a cada mil nascidos, tem o diagnóstico do DEL. É possível diagnosticar, com mais precisão, em crianças entre 5 e 6 anos de idade, embora isso não ocorra de forma tão regular, o que compromete o desenvolvimento de…