Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2013

Pela primeira vez Doença de Alzheimer é revertida em paciente

Imagem
A doença de Alzheimer foi revertida pela primeira vez no Canadá e com sucesso. Uma equipe de investigadores canadenses, da Universidade de Toronto, liderada por Andres Lozano, usou uma técnica de estimulação cerebral profunda, diretamente no cérebro de seis pacientes, conseguindo travar a doença. O estudo vem publicado na «Annals of Neurology».

Em dois destes pacientes, a deterioração da área do cérebro associada à memória não só parou de encolher como voltou a crescer. Nos outros quatro, o processo de deterioração parou por completo. Nos portadores de Alzheimer, a região do hipocampo é uma das primeiras a encolher. O centro de memória funciona nessa área cerebral, convertendo as memórias de curto prazo em memórias de longo prazo. Sendo assim, a degradação do hipocampo revela alguns dos primeiros sintomas da doença, como a perda de memória e a desorientação. Imagens cerebrais revelam que o lobo temporal, onde está o hipocampo e o cingulado posterior, usam menos glicose do …

Técnica da antecipação para diminuir ansiedade de crianças autistas

Imagem
Crianças com autismo possuem um modo particular de processar informações: diante de um fato novo, elas buscam em sua mente alguma imagem correspondente a ele. Se já tiverem se deparado em este fato anteriormente, ao menos uma imagem será encontrada, e elas ficarão tranquilas porque sabem que estão diante de algo pelo qual já passaram antes.
Caso a situação seja nova, entretanto, não encontrarão nenhuma imagem em suas mentes, e por ficarão ansiosas e incomodadas. Uma forma de evitar que o desconforto surja é oferecer-lhes imagens daquilo que elas ainda não conhecem para seu repertório mental. Trata-se de uma forma de antecipar a novidade, para que quando ela ocorra de fato a criança já esteja familiarizada e preparada para lidar com ela. O recurso da antecipação pode ser usado quando a criança passará por alguma mudança de ambiente, seja por motivo de viagem, visita a parentes e amigos, ou mesmo troca de residência ou de escola. Mostrar a ela uma fotografia do local, expli…

Estudo liga anticorpos maternos a surgimento de autismo em bebê

Imagem
Anticorpos maternos que têm como alvo as proteínas no cérebro do feto podem desempenhar um papel no desenvolvimento de algumas formas de autismo, de acordo com um estudo publicado nesta terça-feira (9). Realizado com 246 mães de crianças com "transtornos do espectro autista" e 149 mães de crianças saudáveis, o estudo mostrou que quase um quarto das mulheres do primeiro grupo tinham uma combinação destes anticorpos diferentes daquelas do segundo grupo. Os "transtornos do espectro autista" (TEA) incluem variedades diferentes de autismo, entre elas a síndrome de Asperger, que afeta crianças muito inteligentes, mas com grande dificuldade em interações sociais. Os anticorpos são proteínas essenciais para o sistema imunológico. Eles detectam e neutralizam substâncias estranhas ao corpo, tais como vírus e bactérias. saiba maisEstudo de Harvard relaciona poluição com possibilidade de autismoRemédio criado para tratar autismo não traz melhora em estudo As mul…

Autismo: como uma mãe melhorou a vida do seu filho pela alimentação

Imagem
Claudia Marcelino foi doceira por 16 anos, até que descobriu na dieta sem glúten, sem lactose e sem aditivos químicos, uma aliada no tratamento do autismo do seu filho Mauricio. Claudia então passou a dedicar-se inteiramente à construção de uma nova rotina para sua família, com hábitos alimentares completamente diferentes. Hoje, a estudante de Nutrição da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), comemora a recente vitória contra o monstro do vestibular, mais uma forma de se aprimorar e continuar na luta pela melhoria de vida do seu filho e de outras crianças autistas. Responsável pelo site “Desvendando o Autismo”, do blog “Cozinha sem glúten e sem leite” e autora do livro “Autismo: Esperança pela Nutrição – Historia de Vida, de Lutas, Conquistas e Muitos Ensinamentos”, Claudia Marcelino compartilha com os leitores da Anna Ramalho alguns de seus conhecimentos.
Como você descobriu que a alimentação era importante no tratamento do autismo? Através de informações de pais…