ESTIMULANDO A MEMÓRIA

Orientações:
Estimulando a Memória
Por Dra. Farah Mendes - Mestre em Gerontologia



Desejo a você, sendo jovem, não amadureça depressa demais e, sendo maduro, não ínsita em rejuvenescer, e que sendo velho, não se dedique ao desespero. Porque cada idade tem seu prazer e a sua dor e é preciso que eles escorram entre nós.
Victor Hugo (1802-1885)


Estimular e Trabalhar a MENTE e o CORPO: Melhor qualidade de vida; Manutenção da saúde e da capacidade funcional; Independência e Autonomia na realização das atividades diárias.

Memória: Capacidade de armazenamento de todas as formas de conhecimento adquirido pelo homem em suas relações com o meio social e ambiente. Proporciona o aprendizado de novas informações e a construção de novos objetos, idéias e saberes.

Fundamentais ao processamento da memória.
Sem Atenção + Concentração, não há possibilidade de se guardar um fato e sem guardá-lo, não há como recuperá-lo depois.

Fatores interferentes
• Estímulos externos – sentidos
• Estímulos internos – organismo
• Fatores emocionais

Outros fatores:

 Preocupação
 Ansiedade
 Noite mal dormida
 Fadiga
 Depressão
 Alcoolismo
 Pressa
 Sedentarismo
 Café (em excesso)
 Cigarro
 Medicamentos: induzem o sono, calmantes, analgésicos, antidepressivos e alguns anti-hipertensivos.
 Estados de tensão e estresse
 Sobrecarga de atividades e informações
 Déficits sensoriais
 Doenças degenerativas, traumas, desordens nutricionais.

Como cuidar da memória e ter um cotidiano estimulante?• Concentrar atenção nas (os):
 Atividade Física Regular
 Alimentação Saudável e equilibrada
 Atividade Mental contínua e estimulante
 Lazer
 Habilidades pessoais
 Atitude positiva
 Amigos e família
 Ambiente (organização e mudanças)
 Estabelecimento de rotinas
 Dormir bem
 Descobrir novas habilidades – criatividade
 Refine seus sentidos
 Aprendizado do funcionamento das funções mentais e das estratégias – prática e repetição.

Estratégias compensatórias internas e externas
Internas

• Manter rotina, mas experimentar novos caminhos;
• Observar o máximo de detalhes das coisas que nos cerca;
• Verbalizar ações e tarefas cumpridas;
• Evitar interrupções durante as atividades.
• Repetição;
• Associações verbais. Ex: Nome de alguém com personalidade, característica;
• Imagens mentais. Ex: caminhos, pessoas, lista de compras;
• Criação de histórias;
• Categorização.
• Retorno às condições de aprendizagem;
• Refaça cada passo.

Externas

. Lembretes e bilhetes
. Agendas
. Uso de listas
. Calendários
. Alarmes
. Celular
. Gravadores
. Quadro de avisos
. Organização do ambiente (armários e gavetas) e de documentos: lugar de uso, categoria e função.
. Estabeleça um roteiro diário: lista de tarefas.


PROGRAMA DE ATIVIDADES

Primeiros Passos...
Dar sentido a vida das pessoas:
 Reestruturar o seu dia-a-dia com atividades planejadas, adaptadas e direcionadas, preservando as habilidades remanescentes.
Valorizar não o que o cérebro não pode fazer e sim o que pode fazer.


• Atividades e Estimulação física programadas exercícios de relaxamento;
 exercícios com pesos;
 dançar com bolas, bastões (bons para atenção, memória);
 balanceamento dos braços, movimentação do tronco em posição sentada;
 simulação ativa das atividades diárias como pentear cabelo, vestir roupa, varrer casa, entre outras;
 ESTIMULANDO SEMPRE A VERBALIZAÇÃO.

Objetivo das atividades físicas programadas

 Promoção do bem-estar físico;
 Manutenção da extensão de movimento articular
 Manutenção da capacidade cardiovascular
 Manutenção do equilíbrio
 Manutenção da força e da fadiga saudável
 Manutenção de padrões de sono normais.


• Atividades e Estimulação cognitiva programadas Jogos de letras, números, cores, formas, quebra cabeça., desafios;
 Poesias, contos, orações;
 Música e canções favoritas, fotografias, cartões postais, comidas preferidas, cheiros familiares;

IMPORTANTE: Todas as atividades devem ser retiradas do acervo da própria pessoa.

Objetivos da Estimulação cognitiva programada Estimular e manter Memória semântica, autobiográfica, consciência, seqüência de pensamento, atenção, capacidade de fazer escolhas.
 Estimular verbalização/linguagem.
 Estimular a criatividade, raciocínio lógico e verbal;

Estimulação social• Atividades: festas, comemorações de aniversários, passeios, cuidar-se, maquiar-se, unhas, cabelo, barba, uso de gravata, e demais acessórios que façam parte do contexto da pessoa; animais de estimação.

IMPORTANTE:
• Manter os pronomes Sr., Sra., Dr., Dra. – respeitando a história de vida;
• Respeitar e manter os laços afetivos.

NUNCA SE ESQUEÇA de que para treinar a sua memória basta fazer algo que você goste e seja prazeroso!!!!
Importante cuidar da saúde, da aparência, conversar com amigos, dar boas risadas, fazer atividades físicas, manuais (se você gostar), sair pra passear acompanhada de pessoas queridas ou sozinho, conhecer lugares diferentes, viajar, visitar museus, freqüentar grupos de convivência, ouvir músicas, cantar, dançar, namorar, ir ao cinema ... viver bem.


CONCLUSÕES E DICAS

1. Como estimular a ATENÇÃO?
• Faça AGORA !!!: Não adie suas tarefas. Só protele quando necessário.
• Destine lugares fixos e regulares: Organização.
Um lugar para tudo e tudo no lugar.
• Altere o padrão: Mas se programe.
• E observe sempre: preste mais atenção àquilo que o cerca, aos detalhes, faça associações...


2. Lembrando das conversas...
• Faça contato visual, encare o interlocutor;
• Faça gestos ou sons que demonstrem que você está prestando atenção;
• Aprenda a escutar aquilo que não quer ouvir;
• Não dê conselhos a menos que lhe peçam;
• Evite exemplificar com sua própria experiência. Faça perguntas.
• Não interrompa muito cedo com perguntas.


Concentre-se no que está sendo dito!!!


3. O que não se deve fazer ao ser apresentado a alguém
• Não desvie o olhar;
• Não queira adivinhar o nome se não ouviu bem;
• Não pense em outra coisa nem no próximo compromisso, enquanto a pessoa estiver falando;
• Não deixe para fazer associações com o nome pra depois;
• Não hesite em perguntar como se pronuncia o nome.



4. E o que fazer quando o nome está na ponta da língua?
• Relaxe e deixe a frustração se afastar por um tempo.
• Quando estiver relaxado e pensando em outra coisa a palavra será lembrada.

Não se martirize quando não se lembra do nome ou de algo, isso acontece com todo mundo!!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que é defensividade tátil?

Transtorno de modulação sensorial

Disgrafia